Em breve.

Informações Turísticas

Tríplice Fronteira: Brasil, Argentina e Paraguai

A região de Foz do Iguaçu é conhecida como “Tríplice Fronteira” por apresentar uma característica geopolítica de fronteiras, que está presente em poucos lugares no mundo. Em Foz do Iguaçu, o Brasil, o Paraguai e a Argentina fazem uma tríplice fronteira, com cidades fronteiriças.

Tríplice Fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina

Os três países se encontram em um mesmo ponto, a foz do Rio Iguaçu. Neste local está localizado o Marco das 3 Fronteiras, um dos pontos turísticos mais historicamente importantes da região: em cada país há um marco que representa o encontro e a proximidade entre as nações.

Marco das 3 Fronteiras: Brasil, Paraguai e Argentina

Embora Foz do Iguaçu não seja a única tríplice fronteiras do mundo, é uma das mais peculiares por ser uma região turística, e pela proximidade das cidades em cada país, já que Foz do Iguaçu, Puerto Iguazu e Ciudad del Este encontram-se há poucos quilômetros da fronteira.

Dessa forma, a integração da região é bastante visível, existe uma troca cultural, econômica e social entre as 3 cidades que tornam o ambiente dinâmico e interessante como uma experiência de vida. É comum utilizar moedas de outros países nas cidades, assim como há o costume de ouvir diferentes sotaques do espanhol e pessoa falando guarani pelas ruas.

Visitar Foz do Iguaçu é uma oportunidade de trocas, de conhecimento cultural e geopolítico. O turismo se beneficia desta condição já que o turista pode conhecer 3 países em 1 mesmo dia. Já pensou em tomar café no Paraguai, almoçar no Brasil e jantar na Argentina?

Entre os atrativos turísticos da região, destacam-se as Cataratas do Iguaçu que ficam na fronteira entre Brasil e Argentina, e a Usina de Itaipu que fica na fronteira entre Brasil e Paraguai.