Quais os lugares incríveis que você vai visitar quando a pandemia acabar?

Entre no viajar.email e você receberá todos os meses, as dicas sensacionais de um lugar incrível.

Obs.: É Grátis!

Me Surpreenda!

Parede sem graça? Não!
Deixe a parede da sua casa maravilhosa.

Conheça os quadros inspirados em Foz do Iguaçu que estão disponíveis exclusivamente on-line.

Eu Quero!

100% da população adulta de Foz do Iguaçu já recebeu a 1ª dose da vacina, e 64% a segunda!

Compras no Paraguai

Quem nunca ouviu sobre as famosas “compras no Paraguai”, principalmente durante os anos 80 e 90? Hoje a realidade local é outra, mas fazer compras em Ciudad del Este (Paraguai) continua sendo tão entusiasmante quanto antes.

Com centenas de lojas, milhares de produtos e muitos compradores que cruzam a Ponte da Amizade todos os dias.

Assim como os outros tradicionais passeios de Foz do Iguaçu, como as Cataratas do Iguaçu e a Usina de Itaipu, fazer compras em Ciudad del Este também é grande, com shoppings de lojas especializadas que vão desde roupas, perfumes e brinquedos, até eletrônicos e produtos de informática, e preços abaixo dos praticados no Brasil (na maioria das vezes).

Comprar no Paraguai é uma experiência, que faz parte de visitar Foz do Iguaçu.

Ciudad del Este, tem inúmeras oportunidades para quem quer fazer compras no Paraguai.



(Fotos da Ponte da Amizade antes da reforma de 2015.)

Ao planejar a sua viagem, é interessante saber que existem sites que disponibilizam informações e contatos de lojas, para uma pesquisa prévia de informações, mas lembre-se que os preços mudam conforme as condições do mercado e da cotação do Dólar.

O importante é ter paciência, e acompanhar o seu agente de viagem ou guia turístico, que poderá informar como aproveitar melhor o passeio, além de indicar lojas de confiança.

Como é o passeio de Compras no Paraguai

O acesso até Ciudad del Este acontece através da Ponte Internacional da Amizade, que cruza o rio Paraná, e pode ser atravessada a pé, de carro, moto-táxi, transporte turístico ou transporte público.

As principais lojas se concentram nas ruas próximas, logo após a Aduana do Paraguai, e são mais facilmente acessadas com uma caminhada.

A maioria das empresas aceitam pagamentos em Real e Dólar, lembrando que os preços são geralmente calculados pela cotação do Paraguai.

O retorno acontece novamente pela Ponte da Amizade, chegando à Aduana do Brasil, onde as compras deverão ser regularizadas.

(Foto da Ponte da Amizade antes da reforma de 2015.)

Dicas para Comprar com Segurança

  • Preste atenção, tenha sempre o bom senso básico com a sua segurança, e evite usar bolsas, mochilas e joias
  • Confira suas compras no balcão, junto com o vendedor
  • Questione o vendedor sobre as garantias do produto e da loja
  • Prefira os produtos originais e de marcas conhecidas
  • Conheça o preço dos produtos no Brasil antes de procurá-los
  • Evite “preços especiais” que sejam muito diferentes da média
  • Prefira lojas conhecidas, ou que sejam indicadas por pessoas de sua confiança
  • Embale o produto de uma forma que o transporte seja fácil e seguro para retornar ao Brasil
  • Sempre regularize as suas compras na Aduana Brasileira
  • Procure sempre ir ao Paraguai acompanhado, ou utilizando o serviço de uma empresa de turismo de confiança
  • Pagamentos no cartão de crédito estão sujeitos à grandes variações nos valores, confira com o vendedor antes de fechar a compra

Cotas e Regularização das suas Compras no Paraguai

Ao voltar para o Brasil, logo após a Ponte da Amizade, haverá a Aduana Brasileira, onde poderá ser feita a regularização das suas compras, com o registro e o pagamento do imposto (sendo o caso, na própria Aduana existe uma agência bancária onde é realizado o pagamento). As informações detalhadas para a regularização das suas compras podem ser acessadas pelo site da Receita Federal.

É importante que em toda compra realizada no Paraguai seja solicitada a nota fiscal para utilização na regularização, com a inclusão do RG do comprador.

A cota é de U$ 500,00 por pessoa à cada mês, porém, além do valor, é importante procurar as regras de quantidade e características dos produtos que podem ser comprados, para os detalhes leia o Artigo 33.

Já o imposto, é calculado em “50% sobre o valor tributável dos bens”, ou seja, na prática, calcula-se 50% sobre o excedente à cota. Um exemplo ilustrativo do cálculo é, U$ 700,00 em compras excedem em U$ 200,00 a cota (700 – 500), assim o imposto será de U$ 100,00 (50% de U$ 200).

Mais do que uma obrigação, é também um respeito a si próprio como turista, que a regularização seja feita conforme a lei. Produtos que não estejam regularizados estão sujeitos à fiscalização no aeroporto e nas rodovias da região.

Tarifas e Horários

Não existe tarifa de entrada em Ciudad del Este (Paraguai), mas existem impostos sobre as compras no retorno ao Brasil, na aduana brasileira. 

Tradicionalmente, as lojas funcionam em sua maioria de Segunda à Sábado, das 6h às 16h. Porém, diversas lojas e shoppings já praticam horários diferenciados.

Lembre-se

– Você está indo para outro país
– Leve seus documentos pessoais para a entrada e saída do Paraguai
– Existem empresas que oferecem serviços de guia turístico e transporte para auxiliar nas compras, procure empresas confiáveis
– Confira suas compras ainda no balcão da loja, junto com o vendedor
– Use roupas confortáveis e calçado apropriado para a caminhada
– O passeio dura em média de 2 a 5 horas, podendo se estender


Não achou algo? Envie sua dúvida


Outros Pontos Turísticos em Foz: